Briga entre vizinhos termina com três mortos em condomínio na Grande SP

Fonte (original): http://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/2013/05/1284080-briga-entre-vizinhos-termina-com-3-mortos-em-santana-de-paranaiba-sp.shtml

24/05/2013 – 00h36 – Atualizado às 10h35.

Briga entre vizinhos termina com três mortos em condomínio na Grande SP

CÉSAR ROSATI
COLABORAÇÃO PARA A FOLHA
EDUARDO ANIZELLI
DE SÃO PAULO

 

Uma briga entre vizinhos terminou na morte de três pessoas no final da noite de quinta-feira (23), em Santana de Parnaíba, na Grande SP. O crime aconteceu no condomínio residencial Bosque de Tamboré, na rua Marcos Penteado de Ulhôa Rodrigues.

Por volta das 20h, Vicente D’Alessio, 62, invadiu o apartamento vizinho, que fica no andar superior, e atirou contra o casal, Fábio de Rezende Rubim, 40, e Miriam Cecília Amstalden Baida, 37, após uma discussão sobre barulho.

Casal dizia que barulho de vizinho era ‘insuportável’, diz parente
‘Foi um dia de fúria’, diz delegado sobre crime na Grande SP

Segundo o delegado Andreas Schiffmann, responsável pelo caso, a reclamação de D’Alessio era recorrente. Fábio Rubim era subsíndico do prédio, e trabalhava em uma multinacional. Sua mulher, Miriam Cecília, era dentista e faria aniversário nesta sexta-feira (24).

Eduardo Anizelli/Folhapress

Policiais diante de prédio onde morador assassinou casal de vizinhos e depois se matou, em Santana de Parnaíba (SP)

Policiais diante de prédio onde morador assassinou casal de vizinhos e depois se matou, em Santana de Parnaíba (SP)

“O homem entrou no apartamento e, após um bate-boca, o dono se escondeu em um dos quartos, foi então que o atirador disparou três vezes contra a porta, sendo que dois tiros foram certeiros”, disse Schiffmann.

Miriam, que estava no quarto com a filha de um ano e meio, ouviu os disparos, saiu e também foi atingida pelo vizinho. No total o assassino, que tinha porte de arma, atirou seis vezes com um revólver calibre 38, que segundo a polícia, estava registrado em seu nome.

Logo após o crime, Vicente desceu para seu apartamento, recarregou a arma, foi ao elevador do prédio e cometeu suicídio. De acordo com o delegado, antes de cometer o crime o atirador havia dito para a mulher que iria “resolver o caso”.

Segundo familiares de Vicente, ele estava doente há algum tempo. O idoso tinha uma síndrome chamada Guillain-Barré (que afeta o sistema nervoso) e chegou a ficar internado por quase um ano.

Reprodução/Facebook

O casal Fábio de Rezende Rubim, 40, e Miriam Cecília Amstalden Baida, 37, que foi morto pelo vizinho em Santana de Parnaíba (SP)

O casal Fábio de Rezende Rubim, 40, e Miriam Cecília Amstalden Baida, 37, que foi morto pelo vizinho em Santana de Parnaíba (SP)

497 total views, 3 views today

Esta entrada foi publicada em Aspectos Penais, Destaque, Notícias (Clipping) e marcada com a tag . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta