Após processo de vizinho, dona de 69 cães pretende mudar de casa

Fonte (original): http://www.cenariomt.com.br/noticia.asp?cod=190234&codDep=1 

Moradora de Batatais, SP, cria bichos em chácara na área urbana. Advogado diz que cliente não consegue dormir por causa do barulho.

Publicado Quarta-Feira, 9 de Maio de 2012, às 09:29 | Do G1

Após processo de vizinho, dona de 69 cães pretende mudar de casa

Processada por um vizinho incomodado com o barulho dos 69 cães criados na chácara dela, a dona de casa Beatriz Nunes Perecin, de 25 anos, pretende deixar a residência na área urbana de Batatais (SP) – local onde resolveu abrigar os bichos há nove meses.

“A chácara foi posta à venda em março. Assim que conseguirmos vender o imóvel, vamos comprar um terreno na zona rural. Longe da cidade não haverá mais reclamação de vizinhos”, contou.

Os cachorros foram levados para a chácara em setembro do ano passado, quando a construção ficou pronta. Segundo a Beatriz, muitos dos seus animais foram rejeitados pelos antigos donos. “As pessoas descobrem que eles necessitam de cuidados e atenção e depois não os querem mais”.

Beatriz afirma que, ao contrário do que diz o vizinho, os cachorros não são barulhentos. A dona de casa disse, entretanto, que não mora na chácara. “Eu vou até lá todos os dias com a minha mãe ver como eles estão e alimentá-los. Desde o final de 2010, todos são acompanhados por profissionais de duas clínicas veterinárias em Ribeirão Preto”, argumentou.

Vizinho
Fabiano Borges Dias, advogado do vizinho que moveu a ação, disse que o processo é baseado no direito da vizinhança, pois ele afirma que o cliente sofre com o barulho e odor dos animais. “Ele não consegue dormir, não consegue comer e desenvolveu um quadro de depressão junto com a esposa dele. Ele não consegue almoçar em um domingo, por exemplo, por causa do forte odor de fezes e urina que emana da casa”.

598 total views, 3 views today

Esta entrada foi publicada em Animais, Notícias (Clipping). Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta